Conteúdo Patrocinado 

2017 está acabando: como fechar o ano com o caixa positivo

O final do ano é o tão aguardado período de festas, com o Natal e o Réveillon. Porém, mesmo com essas ocasiões especiais, é possível sim, para qualquer empresa fugir das dívidas, e evitar começar o ano mal.

Cuidar financeiramente de qualquer empresa é uma tarefa bastante complexa. São muitos gastos, despesas programadas, emergenciais, entradas e saídas, impostos, fornecedores, colaboradores… São tantas coisas, que pode até parecer impossível.

Para dificultar um pouco mais a situação, o final do ano já está aí, período que já traz algumas complicações por si só, como o desaquecimento do mercado e os gastos adicionais para as empresas, entre as quais a principal é o pagamento do 13º salário, previsto em lei. Além disso, as festas de final de ano também têm seus custos.

Mesmo com todos esses fatores, ainda assim é possível manter o caixa da empresa no verde, e não virar o ano com dívidas, o que é o pesadelo de todo empresário.

Como economizar durante o ano?

É claro que não existe uma fórmula mágica, que mudará instantaneamente os valores da empresa e fará aparecer alguns milhares de reais na conta. Por isso, é preciso ter cautela durante o ano inteiro.

Porém, mesmo agora, com o final do ano em iminência, é possível adotar algumas medidas que podem mudar totalmente o futuro da empresa. Os resultados podem ser vistos a curto prazo e serão colhidos bons frutos durante muito tempo.

Uma das principais soluções é passar a utilizar um sistema de tarifação telefônica. Essa é uma alternativa que pode nem mesmo ter passado na cabeça da maioria dos empresários, mas que pode trazer resultados visíveis e em um curto período de tempo.

Todo tipo de empresa, seja um supermercado, uma indústria, uma academia, uma central de telemarketing ou de qualquer outro segmento, utiliza serviços telefônicos em maior ou menor grau. O que poucas dessas empresas fazem é acompanhar de perto os gastos com telefonia, porém isso é mais do que necessário.

Um exemplo bem prático é o consumo de energia elétrica. Por mais que seja um gasto obrigatório, ainda existe uma mobilização em grande parte dos ambientes de trabalho em relação à economia de energia, tanto pelos custos em si quanto pela preservação do meio ambiente, que é uma de suas consequências indiretas.

Da mesma forma deve acontecer com a telefonia da empresa, que pode obter uma economia substancial através do uso de uma Tarifa telefônica.

Como funciona um sistema de tarifa telefônica?

Através da instalação de um software específico para essa finalidade, todas as ligações feitas pela empresa serão monitoradas com altíssimo grau de precisão. Informações como duração da chamada, horário de sua realização e quantidade de ligações serão centralizadas em uma única interface.

Pode ser feito um monitoramento das linhas de telefonia fixa, móvel e até mesmo de centrais de PABX, que costumam ser comuns em empresas de Call Center.

Além de acompanhar os gastos da empresa, existem muitos outros benefícios proporcionados pelo uso dessa tecnologia. É possível perceber, por exemplo, se o plano contratado junto à operadora de telefonia é ideal ou se este deve ser ajustado para proporcionar um melhor custo-benefício.

Quem pensa em quanto custa tarifador telefônico não deve se preocupar tanto com isso, já que é uma solução bastante econômica. Além disso, a economia que será obtida através do uso desse sistema poderá pagar o software e depois resultar em lucros reais para a empresa, que gastará menos com telefonia e continuará a oferecer um serviço de qualidade.

Outras sugestões para economizar

Muitas outras coisas podem ser feitas para gastar menos durante todo o ano. Algumas das principais dicas são:

  • Reduzir o consumo de água através de campanhas de conscientização e da instalação de torneiras automáticas;
  • Diminuir o uso de energia elétrica, através da redução do uso de equipamentos, como: ar condicionado e lâmpadas, quando estes não se fizerem necessários;
  • Evitar comprar ferramentas e equipamentos que não serão utilizados com freqüência. Uma opção bastante interessante é a locação desses equipamentos apenas por um período de tempo;
  • Buscar otimizar todas as tarefas feitas pela empresa, o que ocasionará em maior agilidade para sua realização com baixo custo.

Pode ser que essas ações levem um certo tempo até que seus resultados sejam percebidos plenamente. Porém, mesmo já no final do ano, adotar essas estratégias resultará em uma economia considerável e ajudará a começar o próximo ano com o pé direito e o caixa positivo.

Para economizar com a gestão de telecom, a melhor alternativa é começar a utilizar um software especializado para a tarifação telefônica o quanto antes. Assim, além de sobrar mais dinheiro para as épocas festivas do final do ano, os custos operacionais poderão diminuir mês a mês.

Fonte: Sumus.com.br

Publicações relacionadas

One Thought to “2017 está acabando: como fechar o ano com o caixa positivo”

  1. […] Fonte: 2017 está acabando: como fechar o ano com o caixa positivo – Suprimatec […]

Obrigado por ler, deixe seus comentários e não esqueça de compartilhar

%d blogueiros gostam disto: